Feeds:
Artigos
Comentários

Archive for 5 de Julho, 2007

por Claudia Midori

Quando começamos o blog Comidinhas no dia 26 de abril sabíamos que quem não arrisca não petisca! Falar abobrinha não era nossa intenção. Juntamos a fome com a vontade de comer (ops!) de escrever – daí surgiu o blog que, a princípio, começaria falando de nosso Encontro Comidinhas realizado mensalmente.

Como não se faz uma boa omelete sem antes quebrar os ovos, o blog deixou de dizer apenas dos lugares que comemos ou vamos comer. Selecionamos notícias, curiosidades, tudo que nos é oportuno publicar. Não queremos um blog meia tigela. Com a faca e o queijo nas mãos tentamos publicar diariamente tudo o que não mata engorda.

Não pensávamos que teríamos tantas visitas como temos, muito menos que seria mamão com açúcar ter assunto para todas as semanas, muito menos para todos os dias. Mas nosso blog está longe de ser uma batata quente em nossas mãos, é prazer, é mão na massa. Tanto é que, nada de arroz de festa, enfiamos o pé na jaca e pagamos o pato para que nossos leitores tenham prazer ou curiosidade de conhecer algum lugar já freqüentado pelo trio. Saímos de alguns lugares com cara de quem comeu e não gostou, foi assim no restaurante mineiro O Caipira e na Cachaçaria Água Doce.

Parece brincadeira, mas parece que descascamos um abacaxi a cada aventura. O Surface to air foi um deles. Levamos gato por lebre. A vontade era experimentar um mini hambúrguer que não existia mais no cardápio. Esquentar a cabeça nessas horas não compensa, dessa forma, mandamos tudo às favas e comemos o que tinha. Eles pisaram no tomate, tanto que decidimos que a sobremesa seria apreciada em outro local, a gelateria Parmalat do shopping Eldorado. A sensação que tive no dia foi a de que tiraram doce de criança.

Recentemente, dia 2 de julho, fomos pegas de surpresa. Aproximadamente 120 posts sumiram. Pedimos ajuda até do Diogo, namorado da Jaci, para desvendar o angu de caroço. Como não adianta chorar sobre o leite derramado, nos restou mandar uma banana para o caos que foi desvendar o sumiço e não desistir mesmo quando o caldo entornou. Chorar as pitangas não é com o trio. O fato é que de grão em grão estou resgatando os posts que desapareceram e voltamos a encher o papo. O blog não azedou. Hoje, às 17h25, temos aproximadamente 10 mil visitas em dois meses e oito dias – 1 pessoa a cada 10 minutos come (lê) com os olhos o que escrevemos. Muito obrigada!

    

Read Full Post »

                     Nhá benta de chocolate 

Chocolate Kopenhagen por todos os lados – na casquinha, no granulado e também junto com o famoso marshmallow da Grife – é impossível? Não mais. A nova Nhá Benta Chocolate chega como lançamento principal e promete superar o sucesso da Maracujá, que foi lançada em 2005 e chegou a vender 34 unidades por minuto entre julho e dezembro do mesmo ano.

Agora, a expectativa é vender até dezembro dois milhões e trezentas mil unidades de Nhá Bentas de Chocolate, o que representa R$ 12mi e um acréscimo de 7,3% no faturamento. “A Nhá Benta é um grande ícone de mercado, um case de marketing, além de um produto de extrema aceitação do público consumidor, por isso, a nossa decisão de trazer mais uma versão da linha”, explica Renata Vichi, vice-presidente da Kopenhagen. E a novidade do ano tinha que vir muito bem acompanhada. Com investimentos de R$ 7mi e o mote “Quem Ama Nhá Benta, Experimenta!”, a campanha publicitária traz nesse lançamento dois porta-vozes ao invés de um. O já conhecido chocólatra e fã da Grife, Edson Celulari, e o ator Fábio Assunção.

Os garotos-propaganda foram escolhidos devido à alta aceitação que têm em relação aos consumidores da Nhá Benta. “O Edson já virou um ícone da linha e o Fábio representa inovação, afirmando que o novo pode ser também muito bom”, explica Renata. 

Para criação do produto, foram 14 meses de pesquisa de mercado, estudos de campo e análises sensoriais, totalizando em um investimento de R$ 250 mil.

Read Full Post »

                                    Terça, dia 3 

Incluir alimentos antioxidantes no prato regularmente ajuda a neutralizar os radicais livres. Leia no Metro a lista de alimentos que beneficiam a saúde. Saiba também que os alimentos funcionais podem auxiliar na prevenção de algumas doenças, como cânceres e tumores, e no tratamento e na prevenção de inflamações e lesões.

Read Full Post »

Havanna

                          Delcia…

por Claudia Midori

Há um ano os paulistanos podem saborear os deliciosos alfajores Havanna em 13 endereços. Ninguém precisa mais recorrer a um amigo ou parentes para trazer os tradicionais alfajores, havannets, doce de leite e chocolates que os porteños saboreiam quase que diariamente!!!
www.havanna.com.br

Havanna Café – Jardins
Rua Bela Cintra, 1829
Tel.: 3082-5722

Havanna Café – Shopping Anália Franco
Av. Regente Feijó, 1739, piso Orquídea
Tel.: 6671-5360

Havanna Café – Shopping Jardim Sul
Av. Giovanni Gronchi, 5819, 2º piso

Havanna Café – Shopping Villa Lobos
Av. das Nações Unidas, 4777, 1º e 3º piso
Tel.: 3024-3852

Havanna Jardins
Alameda Lorena, 1428
Tel.: 3062-2762

Havanna – Shopping Iguatemi
Av. Faria Lima, 2232, piso térreo
Tel.: 3031-4468

Aeroporto Internacional de Guarulhos
Asa D, terminal 2 (embarque)
Tel.: 6446-1862

Shopping Pátio Higienópolis
Av. Higienópolis, 618, piso Pacaembu
Tel.: 3663-4234

Aeroporto de Congonhas
Sala de embarque
Tel.: 5093-7370

Shopping Market Place
Av. Dr. Chucri Zaidan, 902, piso térreo

Morumbi Shopping
Av. Roque Petroni Jr, 1089

Shopping Center Norte
Travessa Casalbuono, 120
Tel.: 6221-2973

Read Full Post »

Por Camila Verbisck

Já que esse espaço está aberto para qualquer manifestação culinária e gulosa, resolvi começar uma campanha para abaixarem o preço do chocolate Lindt!

Ele já foi mais caro, mas agora o preço de uma barrinha de 100g é R$ 10! Isso na internet (e em promoção, porque o preço normal é R$ 15) e no supermercado é mais caro. Segundo a Claudia, um chocolate nacional desse peso custa R$ 5 (três vezes menos!).

Faça as contas: em Paris você compra 5 barras de 200g de Lindt cada, por 3 euros. Convertendo, isso dá menos de R$ 9 por um quilo de chocolate!

Tudo bem que o chocolate é importado e tal… mas, mesmo assim, né?

Temos que popularizar o melhor chocolate do mundo!

Por isso a partir de hoje esse blog está promovendo a campanha para baixar o preço do Lindt!

Read Full Post »

Chocolate pode controlar hipertensão arterial Comer um pouco de chocolate todos os dias pode ajudar a baixar a pressão sangüínea, sem ganho de peso, de acordo com um estudo publicado em 04/07 pelo Journal of the American Medical Association (JAMA).Pesquisas anteriores haviam indicado que o consumo de grandes quantidades de alimentos contendo cacau poderia diminuir a pressão sangüínea, provavelmente devido à ação dos polifenóis – um grupo de substâncias químicas encontrado em plantas, incluindo os flavanóides, aos quais são atribuídos benefícios à saúde. “Uma preocupação específica era que a potencial redução da pressão conseguida com os flavanóides pudesse ser anulada pela alta taxa de açúcar, de gordura e de calorias inerentes aos produtos que contêm cacau”, destacaram os autores no artigo.A equipe coordenada por Dirk Taubert, do Hospital Universitário de Colônia, na Alemanha, descreveu os efeitos de baixas doses regulares de cacau na pressão sangüínea. Os testes, realizados entre janeiro de 2005 e dezembro de 2006, incluíram 44 adultos com idades entre 56 e 73 anos e alto nível de pré-hipertensão não tratada (de 130 por 85 a 139 por 89mmHg) ou no primeiro estágio de hipertensão (de 140 por 90 a 160 por 100mmHg).Os participantes foram aleatoriamente designados para receber, durante 18 semanas, 6,3 gramas diárias de chocolate (30 calorias) contendo 30 miligramas de polifenóis ou o correspondente em chocolate branco sem polifenol.Os pesquisadores descobriram que o chocolate escuro reduziu a pressão média sistólica em 1,6mmHg e a diastólica em 1mmHg, sem mudanças no peso, nos níveis de plasma ou nos níveis de lipídios e de glucose. A prevalência de hipertensão caiu de 86% para 68%. Já entre o grupo que recebeu doses de chocolate branco, as pressões sistólica e diastólica permaneceram inalteradas durante o período de tratamento. O consumo de chocolate escuro resultou também na aparição, em curto prazo, de fenóis de cacau no plasma, com aumento do vasodilatador S-nitrosoglutationa. Não houve mudança nos biomarcadores de plasma no grupo que recebeu chocolate branco. “Embora a magnitude da redução da pressão sangüínea tenha sido pequena, os efeitos são clinicamente observáveis. Em uma base populacional, estima-se que uma redução de 3mmHg na pressão sistólica reduziria o risco relativo de mortalidade por derrame em 8%, de mortalidade por doença arterial coronariana em 5% e da mortalidade em geral em 4%”, diz o artigo.“A descoberta mais intrigante do estudo é que pequenas quantidades de chocolates vendidos comercialmente têm potencial de redução da pressão sangüínea comparável com mudanças de hábitos alimentares com eficácia comprovada na redução de taxas de eventos cardiovasculares”, destacaram os pesquisadores.Segundo eles, enquanto a adesão a longo prazo a mudanças comportamentais complexas é freqüentemente baixa e requer acompanhamento contínuo, a adoção de pequenas quantidades de cacau rico em flavanol na dieta cotidiana seria uma mudança dietética de fácil adesão. “Estudos futuros deverão avaliar os efeitos do chocolate em outras populações e as conseqüências a longo prazo”, indicaram. O artigo Effect of Cocoa and Tea Intake on Blood Pressure: A Meta-analysis, de Dirk Taubert e outros, pode ser lido por assinantes do JAMA em jama.ama-assn.org.As informações são da Agência FAPESP (04/07/2007).

Read Full Post »

Por Camila Verbisck

                Kin Lin

Graças ao Marcelo Katsuki, nós descobrimos o restaurante chinês com o melhor custo-benefício de São Paulo: o Kin Lin, na Liberdade.

O restaurante é simplesinho, tem só uma garçonete, mas a comida é deliciosa. Eu já fui duas vezes. A Claudia parece que já foi mais de três! É daqueles restaurantes que tem clientela fixa, quase fanática.

Nas duas vezes que fui pedi o frango com molho de gengibre, com o molhinho separado, dica do Katsuki. Uma delícia! Eu realmente prefiro o frango puro do que com o molho, mas dos dois jeitos fica muito bom!

Também já experimentei o yakissoba e o yakimeshi, que também são muito gostosos, eu indico!

Eu adoro comida chinesa, por isso acho que esse restaurante foi uma descoberta! Onde mais três pessoas comem (e bem pra caramba!) por menos de R$ 40?

Kin Lin
r. Barão de Iguape, 93
Bairro Liberdade

Veja as fotos em: http://www.flickr.com/photos/sitecomidinhas/717000939/

Read Full Post »

Older Posts »