Feeds:
Artigos
Comentários

Archive for the ‘É comida? tá valendo…’ Category

Minha irmã é uma fotógrafa pra lá de excelente… como vocês podem ver na imagem acima. A foto é tão boa que quase não é possível ver o nome do restaurante que ela mais gostou em Monte Verde, Minas Gerais.

Segundo ela (quero deixar bem claro isso) o restaurante Március é muito bom. A minha irmã é chata para várias coisas, menos para comida. Digamos que ela considera toda comida gostosa, deliciosa – desde que ela esteja acostumada com o paladar do prato. Mais ou menos tempero não faz diferença para ela… ou seja, não sei se a dica dela é um bom parâmetro para uma boa comida.

Enfim, segundo ela, a dica é comer o fondue de carne e a truta com creme de amêndoas. Nem imagino como é o sabor do peixe com amêndoas, e detesto a mistura de doce com salgado.

Se alguém for ou foi para Monte Verde e puder deixar aqui alguma dica… agradecemos!

Restaurante Március
Av. Monte Verde, 845
Telefone: 35 3438-1508
Monte Verde/MG

E eu não poderia deixar de colocar a melhor foto da minha irmã de Monte Verde.

Uma árvore no meio da rua ou estrada (não lembro).

Read Full Post »

por Larissa Verbisck Bonfim

Bandejar ou ir ao bandex é algo que (querendo ou não) é presente na vida de estudantes de universidades públicas. Acontece todos os dias por diversos motivos: não saber cozinhar, ter pouco tempo para almoçar ou então não resistir a incrível pechincha de fazer uma refeição estufa-estômago por apenas R$2,00, repito R$2,00!

As opções são variadíssimas: arroz e feijão e uma salada não identificada. Tá tá bom o que muda são as carnes, mas no meu caso é todo dia a mesma coisa. Tudo bem, estou sendo injusta, os sucos (que devem ser tomados em canecas duráveis para não desperdiçar copos!!!) variam: cor de uva, cor de laranja, cor de vermelho…

Minha opção (pode ser copiada, não é nenhuma receita segredo de família) é macarrão com molho pronto!!! É uma delícia e, quando cansar, pode ser substituído por miojo com tempero de tomate pronto!!!! É uma delícia e, quando cansar, pão com queijo com tomate de verdade tb é bom!!!! 

 Bom, pessoal, a vida é dureza!

 Tentativas falhas de fazer feijão não serão expostas aqui (hahahaha) 

O importante é não passar fome!

Read Full Post »

por Claudia Midori

Combinando uma espécie selecionada de microrganismos vivos com a biotecnologia já conhecida da fermentação láctica, nasceu um dos alimentos mais consumidos da história da humanidade no século 20 – o leite fermentado Yakult.

Desde criança lembro que saía correndo para chamar minha mãe quando a “moça do Yakult” passava na rua. Sempre com um carrinho que parecia aqueles de feira, depois um carrinho com a marca da empresa, sempre pedia um pacotinho. Gostava tanto do leite fermentado que minha mãe começou a regular. Lembro que foi minha “sobremesa” por muito tempo. É que minha mãe falava que tomar demais dava dor de barriga… e eu podia escolher entre um doce e o Yakult.

Há muito tempo não compro Yakult, a não ser que vá ao mercado e dê vontade. A empresa fica perto de onde trabalho e, sempre que vejo, tenho vontade de pedir uma embalagem de 1 litro!

Entei no site da empresa e descobri que eles entregam em casa, olha que bacana: www.yakult.com.br

Curiosidades:

1899 – Nasce no Japão, na província de Nagano, o médico e
microbiologista Dr. Minoru Shirota.
1925 – O Japão apresentava alto índice de mortalidade infantil por infecções intestinais. Inconformado com isso, o Dr.Shirota inicia seus estudos sobre lactobacilos intestinais, com o objetivo de usá-los em prol da medicina preventiva.Nesta época, a medicina preocupava-se mais com o tratamento do que com a prevenção das doenças. Praticamente existiam poucas pesquisas sobre microrganismos úteis ao intestino.
1930 – Após anos de contínuas pesquisas, Dr. Shirota selecionou uma espécie de lactobacilos, resistentes à acidez do estômago e, que mantendo-se vivos no intestino, inibiam a proliferação de bactérias intestinais nocivas. Desta forma, promoviam o equilíbrio da flora intestinal.
Estes microrganismos revolucionaram todos os conceitos da área de saúde e foram denominados Lactobacillus casei Shirota.
1935 – É desenvolvido o Leite Fermentado Yakult alimento à base de leite desnatado e fermentado com os Lactobacillus casei Shirota. Para que ele estivesse facilmente disponível para o maior número de pessoas, foi adotado o sistema de entrega domiciliar. Assim, o Leite Fermentado Yakult tornou-se um dos alimentos mais consumidos no século 20.
1963  – Com o objetivo de dar continuidade ao trabalho iniciado pelo Dr. Minoru Shirota, a distribuição do Leite Fermentado Yakult  no Japão  passou a contar com as “Yakult Ladies”, aqui no Brasil conhecidas como C.As (Comerciantes Ambulantes Autônomas).

Read Full Post »

Rodas

por Claudia Midori

Só tenho a agradecer à família Farré Martinez. É que sempre que dá vontade de comer churro, vou na Casa do Churro, no Tatuapé, comprar o delicioso alimento de origem espanhola coberto por açúcar e canela.

O churro em roda é um doce tradicional espanhol que se come diariamente acompanhado de chocolate grosso (espesso) à moda espanhola ou com café, com leite ou chá mate. O copo do chocolate espesso custa R$ 5. Na Casa ainda há outras variedades de roda simples com ou sem açúcar (custa R$ 25), com cobertura (R$ 32) e catupiry (R$ 38). Claro, sem falar nos churros tradicionais, recheados com doce de leite, chocolate e outras opções que não me recordo.

Mais fotos: http://www.flickr.com/photos/sitecomidinhas/651750064/
http://www.flickr.com/photos/sitecomidinhas/779691122/

A Casa do Churro
Rua Rodrigues Barbosa, 232, Tatuapé
Tel.: 6671-7180 ou 6671-9044
www.casadochurro.com.br

Horário de funcionamento
Seg a quinta – das 10h às 22h
Sexta, sáb e feriado – das 10h às 23h
Domingo – das 10h às 22h30

Read Full Post »

Melona 

por Claudia Midori

Cremoso, saboroso, delicioso! Quem costuma passear na Liberdade já deve ter visto váriassss pessoas com um sorvete verde claro, de embalagem verde, e formato diferente do picolé convencional vendido aqui.

O Melona, um sorvete coreano, é uma delícia. Quem não experimentou… deveria correr para a Liberdade e experimentar o sorvetão verde claro. Além de melão, tinha morango e feijão, mas não tenho certeza. Comprei o meu no Restaurante, Café e Mercearia Banri. No sábado voltei na Liberdade e a Camila provou o de morango! Ela adorou!

Dê uma olhadinha no site da empresa coreana que fabrica o sorvete: http://www.bing.co.kr

Mais fotos:
http://www.flickr.com/photos/sitecomidinhas/631957561/

Banri
Rua Galvão Bueno, 160
* O sorvete custa R$ 3,50

Read Full Post »

A deputada federal Janete Rocha Pietá (PT/SP) apresentou à Câmara dos Deputados projeto de lei que dispõe sobre a obrigatoriedade do uso de alimentação especial na merenda de estudantes da rede pública de ensino que tenham diabetes tipo 1. A doença, causada pela ausência total, parcial ou pela quantidade insuficiente de insulina produzida pelo pâncreas, acomete uma em cada 2.500 crianças com idade inferior a cinco anos, e uma em cada 300 pessoas abaixo dos 18 anos.

Pelo projeto, a merenda adaptada deverá seguir receituário médico e de nutricionistas, aos quais caberá a supervisão do uso dos alimentos. “A nutrição de nossas crianças também deve ser preocupação do governo. Uma alimentação adequada evita que a doença se agrave, e, por falta de saúde, a criança deixe de freqüentar normalmente as aulas”, explica Janete.

O projeto foi originalmente proposto pelo então deputado Carlos Nader em 2004, tendo parecer aprovado por unanimidade na Comissão de Educação e Cultura da Câmara. “A iniciativa ficou parada e retomá-la, além de mostrar preocupação com nossos jovens, é uma forma de continuar o trabalho de Nader de dedicação às crianças brasileiras, em especial àquelas com maior necessidade de atenção”, afirma a deputada.

Fonte: Maxpress

Read Full Post »

por Claudia Midori

O que é um sorvete?
É uma sobremesa gelada que não contém gorduras ou gemas de ovos, o que o torna menos firme e mais granulado que um gelado. É feito a partir de sumo de fruta, vinho, licor ou outra bebida alcóolica, juntando-se calca de açúcar, glicose ou açúcar. Durante a congelação a mistura não deve ser batida.
Fonte: Enciclopédia Larousse Gastronômica

Por que os sorvetes engordam tanto?
Uma sobremesa gelada contém duas vezes mais açúcar. Isto porque a baixa temperatura reduz a sensibilidade das papilas gustativas, obrigando os fabricantes a aumentar a quantidade de adoçante.

Por que se formam, às vezes, cristais de gelo nos sorvetes?
Um sorvete com cristais pode significar três coisas:
1. Esteve muito tempo fora do congelador;
2. Foi retirado e guardado no congelador muitas vezes;
3. Estava guardado num congelador de baixa potência.

Por que algumas pessoas sofrem com dor de cabeça quando tomam sorvete?
A explicação é simples: o sorvete toca no céu da boca (que está quente) e provoca uma dor de cabeça aguda que pode durar 30 segundos. Isto deve-se à dilatação das veias sanguíneas na cabeça.
 

Read Full Post »

Older Posts »