Feeds:
Artigos
Comentários

Posts Tagged ‘guia’



Pesquisa recente da Universidade Hebraica de Jerusalém apontou que os benefícios do vinho começam no estômago, antes mesmo de atingir o sistema sanguíneo. Os pesquisadores constataram que a bebida consegue impedir a formação das substâncias maléficas que são liberadas quando a carne vermelha (que libera toxinas responsáveis por causar câncer e doenças do coração) é digerida no estômago.

O vinho também é rico em polifenóis, substância que contém poderosos antioxidantes que ajudam o sangue a circular melhor e fazem com que as plaquetas fiquem menos aderente aos vasos coronianos, diminuindo assim o risco de doenças cardiovasculares.

A primeira informação li faz pouco tempo no jornal Destak. A segunda encontrei no livro Vinhos em 101 dicas – Um guia para o enófilo amador, de Ricardo Castanho e Fabrício Brasilienese, que ganhei de cortesia da editora. Eu, que entendo pouco de vinhos, adorei o livro por conter dicas úteis, práticas e curiosas.

Por exemplo, eu não sabia que chocolate combina com vinho! No livro, a dica é escolher um vinho encorpado com alto teor alcoólico e boa doçura. Fiquei curiosa para saber se realmente combina, desconfio muito dessa informação, rs.

Pior que o chocolate com vinho é a feijoada com espumante. Não sei porque, mas continuo desconfiando de que tudo vire uma tremenda bomba no estômago. Mas, enfim, o livro diz que a feijuca de quartas e sábados combina com espumante porque a acidez contida neles ajuda a combater o lastro de gordura característico desse prato pesado. Resta trocar a caipirinha para ver se funciona! As outras curiosidades não posso contar, senão perde a graça e vocês não vão querer comprar o livro (por R$ 29,90 na Saraiva).

Após explicações sobre os tipos de uvas brancas e tintas, a degustação, a harmonização, dicas para iniciantes, iniciados e curiosos, e até um manual de etiquetas com boas dicas para ninguém cometer nenhuma gafe por aí.

O livro Vinhos em 101 dicas ainda auxilia na relação custo-benefício de vinhos nacionais e importados, além de contextualizar histórica e culturalmente os grandes da vinicultura mundial, com suas marcas mais prestigiadas e suas regiões de origem – do Velho Mundo (Alemanha, França, Espanha, Itália e Portugal) e Novo Mundo (África do Sul, Argentina, Califórnia/EUA, Chile, Nova Zelândia e Brasil).

Quem não conseguir arrancar uma boa gargalhada de mim pode ir ao hotsite do livro, baixar um capítulo para ler e ver que a dica é boa mesmo! http://www.ediouro.com.br/vinhos101dicas/capitulo.asp

Quem não quer baixar o livro e está sem grana??? Conte uma história inusitada que aconteceu com você que envolvinha algum vinho. Mas, não esqueça de contar qual, se lembrar (é claro!). O primeiro que responder ganha um exemplar!

Anúncios

Read Full Post »