Feeds:
Artigos
Comentários

Archive for the ‘Não sabe onde comer? Vai lá’ Category

                 brownie

por Claudia Midori

Nenhum bairro foi frequentado tantas vezes por nós como a Vila Madalena ou Vila Madá para alguns amantes do bairro. Acontece que preciso confessar aqui no Comidinhas que amo cada vez mais trabalhar próximo ao bairro.

É claro que tem os contras. Nem sempre gosto de ver a Wisard parada, a Aspicuelta intransitável. Mas, porém, todavia, entretanto, é muito bom sair do serviço e ter várias opções gostosas – Casa Club Hostel Bar, Villa Grano, Lou Lou Creperia, Bar do Sacha, Pira Sanduba, Salve Jorge, Pé de Manga. Mas tem as não muito agradáveis – Astor e Boteco Seu Zé. Tem bar. Tem boteco. Tem botecão. Tem restaurantes para todos os gostos e bolsos.

Tem os docinhos da Deliparis – deliciosos! Os sorvetes gostosos da Cremeria Nestlé… e o brownie divino da Doce de Laura (rua Aspicuelta, 27). Faz umas semanas que passei lá com a Carol e estava com um “desejo” (rs) de comer alguma coisa bemmmm doce.

Não sei como explicar bem o brownie. Ele é molhadinho, mas é crocante, é doce sem ser enjoativo, mas a consistência é um pouco mais pesada, sei lá, vale a pena ir. Quem conhece, pode deixar o comentário e tentar me ajudar a explicar.

                    Doce de Laura

Doce de Laura
Rua Aspicuelta, 27
Aberto das 10h às 19h
Tel.: 3811-9669

Read Full Post »

por Caroline Marino

 

O Praça é aquele lugar que você pede uma coisa e chega outra, sabe? Mas no fim, dá certo. A primeira vez que fomos almoçar lá, confesso que me estressei um pouco (não que isso seja muito difícil). Estava sentada lendo uma revista antiga (lá tem várias) e a dona do “restaurante” passou um “prato” pela minha cabeça. Dá para imaginar? Olha, fiquei irritada e prometi que nunca mais voltaria lá. Mas o lanche valeu a pena. O que acontece (e só entendi depois daquela dia), é que o Praça é o tipo do restaurante que parece que você está na sua casa. Você senta, conversa com a dona, lê umas revistas ou assiste televisão e não pode ficar bravo se o seu lanche demorar e chegar com queijo branco invés de mussarela, rs. Mas o lanche é bem feito e, concordo com a Claudia, a maionese temperada é ÓTIMA. Ah, e tem uma coxinha de frango com catupiry ótima também. Vou continuar comendo lá.


Read Full Post »

                 Sobaya

por Claudia Midori

Se alguém perguntar para mim qual o melhor yakisoba que já comi, a resposta é rápida: no Sobaya!!! Não é difícil explicar a minha escolha. Vou ao Sobaya desde criança, todos que trabalham lá são os mesmos desde sempre, rs, a decoração é a mesma, as mesas são as mesmas, a decoração é a mesma, ou seja, tudo é igual. O garçom sabe que eu adoro Fanta laranja, que sempre peço yakisoba e batata frita, quando não, peço rolinho primavera, batata frita ou frango xadrez, nunca fujo disso. Nunca!!!

Já comi yakisoba em alguns (vários) lugares de São Paulo, interior e outras capitais (o de Brasília foi um horror, o de Recife me arrependo até hoje de ter pedido, o de João Pessoa passou etc).  No Japão, o yakisoba parece um macarrão sem molho, a minha impressão é que eles passam numa peneira antes para tirar o molho, e esse é o problema.

 O molho faz toda a diferença!!!

Na China, o yakisoba é razoável, melhor que o japonês, tudo bem, eu sei, o yakisoba é chinês, não é japa, mas o brasuca, se for o do Sobaya, é melhor ainda!

Lembrei de uma coisa, há dois meses fui num salão da Mooca, conversa vai, conversa vem, começamos a falar de comida. Uma das pessoas que estava no salão comentou que também só pede yakisoba no Sobaya, ou seja, não sou a única!

Quer saber um pouco sobre a história do yakisoba, clique aqui.

Mais fotos 

Sobaya
Avenida Conselheiro Carrão, 2793, Carrão
Tel.: 2293-6693

Read Full Post »

                 Chalé

por Claudia Midori

Segunda, dia da preguiça, terminando a edição de janeiro, tô “o pó”, cansada, muito cansada… e com vontade de tirar férias de 1 ano! Mexendo nas notas fiscais da carteira encontrei o cartão e a nota de um lugar que costumo ir com a minha família de vez em quando almoçar.

O Chalé Chopperia fica na Mooca, em São Paulo, e não é daqueles lugares que você precisa se preocupar com fila e demora na comida. O sistema da casa é de rodízio nos finais de semana (não lembro o valor por pessoa), acho que durante a semana é diferente…

O bom do Chalé são as opções. A parte de salada é enorme, a de massas é generosa, a de carnes dá água na boca, e por aí vai. Só faço “propaganda” do lugar se realmente gosto, e o Chalé é um deles.

A conta ficou pouco menos de 100 reais. Só um parênteses, pedir a nota fiscal no lugar pode ser uma novela. Se for pedir, peça direto pro gerente.

Chalé Chopperia
Praça Visconde de Souza Fontes, 56, Mooca
Telefone: 6163-8556 ou 2274-4985
www.chalechopperia.com.br

Read Full Post »

Na semana passada foi meu aniversário, e as outras duas garotas aqui do blog me fizeram uma surpresa: apareceram pra me buscar na aula de francês. Adorei!

Como elas estavam morrendo de fome, fomos para o Fabuloso Lanches, uma lancheteria em Santo André.

E se você resolver ir lá, tem que estar com fome, porque os lanches são beeeem grandes. Pra você ter uma idéia as meninas dividiram um beirute de frango e ficaram satisfeitas.

Eu já tinha lanchado e também comido várias carolinas recheadas (delícia!), mas acabei pedindo um soft de morango. Muito, muito gostoso!

Isso sem falar que o lanche Calaburguer (calabresa, hambúrguer de picanha) está concorrendo no 6º Festival de Comida de Botequim de Santo André, na categoria lanche.

Fabuloso Megas Lanches
Av. Dom Pedro II, 1051 – B. Jardim 4438-1214
www.fabulosolanches.com.br

Read Full Post »

                    Hummm 

por Claudia Midori

A 103 km da capital paulista, um verdadeiro paraíso atrai turistas que vão para Cabreúva ou Itu, as cidades mais próximas da Fazenda do Chocolate. Escondida na estrada Parque, que liga Itu a Cabreúva, a fazenda tem loja de artesanato, brinquedos educativos, lembrancinhas, biscoitos e, claro, chocolates!!!! Muito chocolate, chocolate para todos os gostos! Faz uns três anos que conheci a “fazendinha”, sempre que vou para Cabreúva aproveito para saborear os doces.

No feriadão fui para Cabreúva com meu namorado e a Rê, que ainda não conhecia o lugar. Tenho certeza que ela vai querer voltar!

Enfim, experimentamos (eu e a Regina) as tortinhas. Escolhi a de chocolate branco e meio amargo, a Rê preferiu a de frutas. Cada uma custa R$ 3. Meu namorado preferiu mousse de chocolate (R$ 3) e espetinho de morango com chocolate (acho que era R$ 4,50). Vale a pena pedir algumas e levar pra comer em casa com mais calma e sentada. Não há muitos lugares para sentar e descansar na fazendinha, a não ser pelo espaço que vende salgados gigantes e pamonha.

              Lojinha de chocolate

Fazenda do Chocolate
Rodovia Itu-Cabreúva, km 90
www.fazendadochocolate.com.br

Read Full Post »

Por Camila Verbisck 

Era para ser um déjeuner crêpe, mas acabou sendo um déjeuner crêpe et feijoada… Esse é o resumo do que foi nosso último Encontro COMIDINHAS! no sábado.

Fomos na Lou Lou Creperia, na vila Madalena, uma descoberta fantástica da Claudia. Fantástica porque eu sou louca por crêpe e convenhamos que os daqui são muito mais gostosos do que os das barraquinhas de Paris, que são meio adocicados.

Esperei quase uma hora para a Claudia, a Jaci e a Regina chegarem. Parece que tinha acontecido alguma coisa no trânsito, porque estava um caos.

Quando a Jaci chegou, eu estava até tremendo de fome e tratamos de dividir um crêpe de queijo com tomate. Uma delícia. Sempre digo que uma das melhores combinações, apesar de ser a mais simples, é tomate e queijo.

A Claudia e a Regina chegaram quando a gente estava começando a apreciar o crêpe. Só que elas estavam com tanta fome que resolveram atacar uma feijoada para duas pessoas!

Acabei pedindo mais um crêpe de escarola com espinafre, uma ótima pedida, considerando que fazia dois dias que eu só almoçava no McDonald’s!

A Jaci experimentou um de frango com catupiry. Mega recheado…

Parece que a feijoada estava maravilhosa, porque elas comeram tudinho!

E se não bastasse o almocinho francês, fomos comer a sobremesa no DeliParis, que é mesmo maravilhoso. Lá tem macarron de verdade, croissant de verdade e tem até croque monsieur… E ele parece mesmo um petit café à Paris, com direito a mesinhas na calçada e tudo mais! Mas isso não é à toa, o dono é Charles Bigot, um autêntico boulanger francês.

As fotinhos estão aqui.

Lou Lou Creperia
r. Wisard, 88
Vila Madalena
Tel.: 3814-2973

DeliParis
r. Harmonia, 484
Vila Madalena
Tel.: 3816-5911
www.deliparis.com.br

Read Full Post »

Nós no Sacha

por Claudia Midori

O que você quer? Boa picanha? Boteco bacana? Serviço de primeira? Cerveja gelada? Petit gâteau sem calda de chocolate – e muito gostoso? Coca-Cola? Suco? Comidinhas?

Você quer tudo isso e sair satisfeito? O endereço é rua Original, 87, Vila Madalena. Já tinha escutado algumas pessoas falarem bem do Sacha, mas resolvi conhecer pessoalmente o lugar no sábado e não estou nem um pouco arrependida! Chegamos no bar era 12h30… e saímos às 18h porque os garçons estavam rondando nossa mesa. Só por isso, senão a gente tinha ficado mais tempo batendo papo, colocando a conversa e as fofocas em dia!

Ah, a picanha com alho é uma delícia mesmo. A costela não quisemos provar… mas o petit gâteau tem um recheio diferente no bolo que é bem gostoso!

Ah, Julio Neto, e suas dicas do México???

Bar do Sacha
Rua Original, 87, Vila Madalena
Tel.: 11 3815-7665
http://www.bardosacha.com.br

Read Full Post »

por Claudia Midori

Domingo encontrei a Camila no shopping Anália Franco para trocarmos um óculos que havia quebrado. Havíamos combinado de jantar no shopping. Acabei sugerindo o Subito, já tinha comido lá três vezes e adorei!

Meu pedido foi o mesmo das outras três vezes – o risoto de funghi com medalhão, uma delícia! A Camila preferiu uma opção mais light – salada Beatrice com torta de frango. O Subito não é muito barato, nem muito caro. Cada prato sai, em média, R$ 17 sem a bebida. A salada é dois reais mais barata. Se depender de mim, vou revezar minhas comidinhas entre o Subito e o Gendai, os dois restaurantes que sou fã e tem sempre em shoppings.

Read Full Post »

por Claudia Midori

Acabei de voltar de um restaurante muito bom, bom mesmo! Hoje fomos jantar num restaurante para comemorar o aniversário do meu pai – ele, como bom filho de japoneses, adora sashimi, sushi, salmão, arroz branco, rolinho primaver etc.

Experimentamos todos os pratos citados acima, além de outros deliciosos (optamos pelo rodízio – R$ 21,90). O sashimi foi aprovado pelo meu pai. Como eu não curto, preferi o sushi! Tinha até uma versão (que me causa arrepios) de banana, minha irmã comeu todos!

Quem mora perto do Tatuapé ou estiver perto… é uma boa dica!!! Adorei o atendimento.

Hiatari
Rua Acuruí, 118, Tatuapé
Tel.: 667-2200
www.hiatari.com.br

Read Full Post »

« Newer Posts - Older Posts »