Feeds:
Artigos
Comentários

Archive for 11 de Janeiro, 2008

11/01/2008

FLÁVIA MANTOVANI
JULLIANE SILVEIRA
da Folha de S.Paulo
KARIN BLIKSTAD
Colaboração para a Folha de S.Paulo

Com o termômetro acima dos 30 ºC, dá até preguiça de encarar um prato de comida sob o sol do meio-dia. Uma alternativa são as refeições geladas, que, além de refrescantes e nutritivas, ajudam a baixar a temperatura do corpo.

“No calor, é preciso sempre reduzir a temperatura corpórea. É por isso que se recomenda usar roupas frescas e ventiladas, por exemplo. Comer alimentos frios também ajuda nesse resfriamento”, explica a cirurgiã gastroenterologista Lígia Maria Vaz Guimarães, do Hospital Professor Edmundo Vasconcelos, em São Paulo.

Mas isso não significa que essas receitas acelerem o metabolismo, como alguns pensam. “Elas são mais refrescantes, mas não implicam queima extra de calorias”, diz a nutricionista Ana Matilde Rodrigues. Há outras vantagens: vitaminas e sais minerais que costumam se perder com o calor são mantidos durante o preparo de refeições com alimentos crus, de acordo com Carla de Carvalho Teixeira Mendes, nutricionista e coordenadora de alimentação do Hospital Israelita Albert Einstein.

Com ingredientes crus ou cozidos, as sopas –totalmente associadas ao inverno– podem ser preparadas frias e se tornam uma boa opção às tradicionais saladas. Além de leves, são práticas: as receitas sem frutas, por exemplo, podem ser preparadas até quatro dias antes de serem servidas, se forem mantidas na geladeira. São indicadas para acompanhar qualquer prato principal, de acordo com a banqueteira e nutricionista Gislaine Oliveira, do Buffet Gislaine Oliveira Gastronomia.

Originárias da França, as receitas de sopas frias começaram a chegar ao Brasil nos anos 1950. Apesar disso, ainda são pouco consumidas por aqui. “As pessoas não estão acostumadas”, diz Oliveira.

Para atrair os sentidos, a dica da nutricionista é caprichar na apresentação –em recipientes pequenos, como xícaras e copinhos de pinga. A sopa deve ser leve e pode ser tomada como se fosse uma bebida.

As comidas muito frias devem, no entanto, ser consumidas com moderação por quem tem asma, rinite ou sinusite. “Se, em um ambiente muito quente, a pessoa comer uma comida gelada demais, a mudança brusca de temperatura pode aumentar a secreção nasal ou desencadear uma crise de asma”, diz Lígia Guimarães.

A nutricionista Carla Mendes acrescenta que pessoas com resistência baixa por causa de alguma doença ou com problemas renais podem ter de restringir o consumo de alimentos crus e devem consultar o médico.

Ela ainda aconselha os que desejam seguir uma dieta mais refrescante durante o verão a usarem ingredientes dos três grupos alimentares –carboidratos, proteínas e lipídios– para manter um cardápio balanceado.

Anúncios

Read Full Post »

Reprodução

Restaurante Pastis em Manhattan

O restaurante Pastis, em Manhattan, conhecido por aparecer na série “Sex and the City”, foi processado por três de seus antigos funcionários, que se queixam de terem sido mal pagos.
Segundo o processo, apresentado a um júri de Nova York, os litigantes são três ex-empregados do Pastis, que apareceu na última temporada da série, e do Balthazar, outro famoso restaurante nova-iorquino do mesmo proprietário.

A intenção é reunir o maior número de empregados possível, e podem aderir todos aqueles que tenham se sentido enganados pelo dono, Keith McNally, durante os últimos seis anos.

PROCESSO

O processo se soma aos apresentados nos últimos meses contra outros conhecidos estabelecimentos nova-iorquinos por empregados que também se queixam de receber pagamentos abaixo dos US$ 5,85 por hora, salário mínimo nos Estados Unidos.

Eles também reclamam de não terem recebido horas extras e de terem que entregar uma parte das gorjetas recebidas.

A maioria dos garçons da cidade depende das gorjetas para sobreviver, já que os salários-base são muito baixos, algo estranho para muitos turistas, acostumados a decidir se deixam ou não uma quantia adicional conforme o atendimento recebido.

Os empregados envolvidos no processo afirmam que se um cliente do Pastis ou do Balthazar ia embora sem pagar a conta, a quantia era retirada do salário semanal do garçom, que também era descontado em US$ 5 por turno para pagar ao encarregado de dobrar os guardanapos.

SEM COMETÁRIOS DO DONO

Keith McNally, proprietário do Pastis, de atmosfera francesa e situado na Nona Avenida, na altura do bairro Meatpacking, e do Balthazar, no SoHo, não foi encontrado para comentar o assunto.

O Pastis transformou-se em um lugar cultuado pelos fãs da popular série desde que, na última temporada, as quatro eternas amigas elegeram o restaurante para se reunir e comentar suas aventuras.

Read Full Post »

Pretzel com açúcar e canela

por Camila Verbisck

Essa é pra quem não resiste às amostras grátis de pretzel no shopping…

Ingredientes:

3 e 1/2 xícaras (chá) de farinha de trigo
1 xícara (chá) de cerveja
1 tablete (15 g) de fermento biológico
1/2 xícara (chá) de manteiga
1/2 xícara (chá) de açúcar
1 pitada de sal
1 colher (chá) de canela em pó

Modo de Preparo:

Peneire a farinha de trigo na tigela da batedeira. Junte a cerveja, o fermento, a manteiga (reserve 2 colheres de sopa), o açúcar (reserve 2 colheres de sopa) e o sal. Bata por 4 minutos e transfira a massa para uma superfície enfarinhada. Sove por 15 minutos, ou até desgrudar das mãos, ficar macia, elástica e soltar bolhas. Com a metade da manteiga reservada, unte uma tigela, coloque a massa e cubra a tigela com filme plástico. Deixe a massa crescer, em local aquecido, por 1 hora, ou até dobrar de volume. Com o restante da manteiga, unte duas assadeiras grandes. Divida a massa em 12 partes e faça rolinhos de 60 cm de comprimento cada um, de pouco menos de 1 cm de espessura. Modele cada rolinho de massa dando a forma de um pretzel. Repita o procedimento com o restante da massa, dispondo os rolinhos prontos nas assadeiras. Em seguida, cubra as assadeiras com filme plástico e deixe a massa crescer, em local aquecido, por 30 minutos, ou até dobrar de volume. Ligue o forno à temperatura média. Leve ao forno por 25 minutos, ou até dourar a superfície da massa. Retire do forno, polvilhe o açúcar reservado e a canela em pó. Sirva em seguida.

 Fonte: Revista Água na Boca

 Categoria: Lanches
 Cozinha: Alemã
 Temperatura: Quente
 Dificuldade: Média
 Tempo de preparo: 1h e 30min de descanso + forno
 Rendimento: 12 unidades

 

Read Full Post »